sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Corpo de Fuzileiros Navais do Brasil moderniza seus blindados anfíbios


O Corpo de Fuzileiros Navais (CFN) da Marinha do Brasil deu início a um programa de atualização de seus blindados anfíbios CLANF/AAV7A1 a um custo aproximado de US$ 125 milhões.

As 26 unidades que o CFN possui, compradas no início dos anos 90 nos Estados Unidos, serão modernizadas de acordo com o mesmo padrão utilizado pelo Corpo de Fuzileiros norte-americano.

De concreto, estão previstos o reforço da suspensão do veículo e a substituição do motor atual de 400 hp por um mais moderno e potente, de 525 hp, entre outras modificações necessárias para suportar o peso que será acrescentado devido à nova blindagem, projetada para aumentar a proteção do anfíbio contra mísseis e foguetes contracarro.

O processo de atualização terá a duração de cinco anos, e os primeiros CLANF enviados aos Estados Unidos serão aqueles que estão atualmente inutilizados.

Os veículos anfíbios CLANF têm como missão principal transportar os Fuzileiros Navais do mar até o desembarque na praia, bem como dar mobilidade e alto poder de choque aos militares quando estão em terra.

Eles podem transportar um pelotão de fuzileiros armados com uma metralhadora 50 e um lança-granadas de 40 mm, e funcionam como barcos blindados capazes de navegar em mar aberto e, com grande velocidade e mobilidade, chegar à praia e avançar terra adentro, tanto durante o dia quanto à noite.

Fonte: Infodefensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu