terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Ban alerta para o aumento do terrorismo na Somália

Secretário-Geral pede à comunidade internacional para enviar apoio militar ao país africano; em relatório ao Conselho de Segurança, Ban afirma que a segurança continua sendo o desafio mais crítico da região.
Civis na Somália

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

O Secretário-Geral da ONU fez um apelo à comunidade internacional para providenciar apoio militar ao Governo Federal de Transição da Somália.

Segundo Ban Ki-moon, a ajuda é para evitar a ação de combatentes estrangeiros e saqueadores na região, que segundo analistas, estaria se transformando em um reduto terrorista.

Relatório

Em relatório, Ban afirmou que a segurança ainda é o principal desafio enfrentado pelas instituições federais da Somália.

O governo de transição na capital, Mogadíscio, está sofrendo ataques de militantes islâmicos que controlam o sul do país. Milhares de civis foram desalojados no conflito que já dura mais de 20 anos.

Alto Risco

Ban Ki-moon destaca que a presença de combatentes externos na Somália é um lembrete de que a região do Chifre de África corre um alto risco de se tornar o próximo alvo dos esforços globais contra o terrorismo.

Em dezembro, o Conselho de Segurança aprovou o aumento em 50% das forças de manutenção de paz da Missão da União Africana na Somália, que vai contar agora com 12 mil homens.

*Apresentação: Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.


Fonte: Rádio ONU  
 

Publicado em: 11/01/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu