sábado, 30 de outubro de 2010

Ataque a base da ONU na República Democrática do Congo mata oito

Confronto ocorreu em Rwindi, no leste do país africano.
Dois insurgentes Mai-Mai também ficaram feridos.

Os capacetes azuis da ONU na República Democrática do Congo (RDC) mataram oito milicianos de um grupo de insurgentes congoleses Mai-Mai que atacaram sua base no sábado à noite na região leste do país, anunciou a Missão da ONU na RDC (Monusco).
O ataque foi executado por quase 50 homens armados com fuzis AK47 e armas de fabricação local. O alvo foi a base da ONU em Rwindi, na província de Kivu Norte, informa um comunicado da MONUSCO.
Aoesar das advertências dos oficiais da ONU, os insurgentes abriram fogo contra os soldados e tentaram invadir a base.
Os militares da ONU responderam e provocaram a fuga dos agressores após um tiroteito que durou de “15 a 20 minutos”, segundo a Monusco.
O ataque terminou com oito mortos e dois feridos entre os insurgentes que, segundo as primeiras informações, parecem pertencer a um grupo Mai-Mai.
Fonte: G1 Mundo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu